Dicas Importantes

Cuidados com passageiros presos em elevador

Um passageiro preso num elevador é fato raro, mas pode ocasionalmente ocorrer por vários motivos, inclusive falta de força no prédio ou excesso de lotação da cabina, causando uma parada fora do nível do andar.

Lembre se sempre que, numa situação destas, o lugar mais seguro para o passageiro preso é dentro da cabina do elevador, pelos seguintes motivos:

1 Elevador não "cai". O sistema de freios de segurança prende a cabina nas guias ou trilhos,sempre que o freio normal não atuar ou se a velocidade aumentar além de determinados limites. Quando um elevador parar entre andares, por exemplo, em caso de falta de energia elétrica, o freio estará atuado e a cabina permanecerá imóvel.

2 Não há o menor perigo de sufocamento ou "falta de ar" para quem se encontrar preso numa cabina de elevador. O poço é uma caixa de tiragem natural, tal qual uma chaminé, e a cabina é sempre provida de aberturas, mesmo não aparentes, proporcionando a necessária circulação de ar.

3 O ato de pular da cabina para o piso do prédio, em caso de parada fora de nível, e a tentativa de socorro por terceiros (porteiro, zelador, etc.) podem ser fatais. A possibilidade de errar o pulo ou impulso existe e deve ser evitada a qualquer custo.

Sabe-se que algumas pessoas, principalmente idosas ou crianças, ficam nervosas em situações como esta e poderão ficar fora de si ou até mesmo serem acometidas de um mau maior. O conselho que damos e que serve para acalmar quem estiver preso no elevador é que se sentem no fundo da cabina, aguardando a chegada de socorro. Na posição sentada, e sabendo que o elevador não poderá cair e nem poderá ocorrer a falta de oxigênio, o passageiro preso ficará mais a vontade.

Vale lembrar que, pela legislação em vigor, somente duas entidades poderão libertar um passageiro preso: a Assistência Técnica da Conservadora, ou, em última instância, o Corpo de Bombeiros.

O resgate deverá ser efetuado no máximo em 30 minutos, após feito o chamado junto à empresa conservadora do elevador. Existem situações de emergência, como por exemplo, quando um passageiro preso na cabina for acometido por um mau súbito, requerendo um resgate imediato. Neste caso, acione também o Corpo de Bombeiros.

Nesta ou em qualquer situação de emergência, o resgate deverá ser precedido de medidas de segurança, sendo a primeira delas o desligamento da energia na chave de força do elevador. Recomenda-se também que os condomínios, principalmente no caso de edifícios mais antigos, mandem instalar um tapa-vista embaixo da soleira da cabina dos elevadores. O tapa-vista é uma chapa de aço com 75 cm de altura que fecha o vão existente entre a cabina e o pavimento, protegendo o usuário contra a queda no poço do elevador por ocasião do resgate. Recomenda-se, também, a instalação na cabina de um interfone ou intercomunicador com a portaria, possibilitando a comunicação com os passageiros retidos.

Sede:

Rua Bela Vista, 556 - Centro - CEP: 48.130-000 - Aramari - BA

(75) 3432-1674 • (75) 99146-3461

Filial:

Cachoeiro de Itapemirim e Região

(28) 99938-1491 • (28) 99949-1616

Modernização e Elevadores Novos
Dicas Importantes
Manutenções
Preventiva/Corretiva
ABNT CREA ES